Notícia


ANVISA autoriza a extensão de validade de lotes do medicamento Bussulfano no Brasil

Atualizado em: 08/06/2021


Em decisão unânime, no dia 07 de junho, a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), representada por sua Diretoria Colegiada liberou em caráter excepcional a extensão da validade do Bussilvex injetável de 30 para 36 meses.

 

A decisão abrange os lotes AK6840B e AK6840B_1 que, inicialmente, teriam validade finalizada em 30 de junho e agora passam a valer até o dia 31 de dezembro de 2021.

 

O medicamento é fundamental na realização do Transplante de Medula Óssea (TMO), e por isso, foi alvo de um movimento conjunto entre associações médicas como SBTMO, SOBOPE E ABHH e também de pacientes que, juntos, conseguiram um desfecho positivo através de ações em redes sociais e veiculação em grandes espaços na imprensa.

 

A decisão marca uma nova vitória dos pacientes que aguardam por um transplante no País. As discussões acerca deste assunto tiveram início no final de  2020/ janeiro de 2021 quando a Pierre Fabre, laboratório que detém a produção deste fármaco no Brasil anunciou um possível desabastecimento.  
 

A SBTMO reitera seu compromisso com o bem-estar de seus pacientes e com o acesso a terapêuticas – como o transplante – para garantir qualidade de vida. Neste sentido, apesar da sinalização positiva, ainda se espera que os processos de validação e regulamentação deste e de outros fármacos seja facilitado e revisado pela ANVISA. Desta maneira garantiremos que estes e outros medicamentos importantes não faltem para pacientes que tem no TMO a chance de uma vida ao lado de suas famílias.

 

Leia o comunicado da Pierre Fabre e o documento expedido pela ANVISA clicando aqui



QUERO RECEBER NOVIDADES



SBTMO 2019 - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Purpose Agency