Desabastecimento de Melfalano


Nota oficial conjunta

ABHH, SBTMO e SOBOPE alertam para o desabastecimento do melfalano no Brasil 

A Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (ABHH), Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea (SBTMO) e Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica (SOBOPE) vem por meio desta nota conjunta tornar pública sua consternação em relação ao desabastecimento do melfalano.

O fármaco está em falta no país e pacientes com mieloma múltiplo que têm indicativo de um transplante de medula óssea já estão sofrendo os impactos. Para se ter uma ideia, segundo o registro da ABTO/RBT, em 2020 foram realizados 1.927 transplantes de medula óssea autólogos, dos quais 70% para mieloma múltiplo, o que equivale a um total de 1349 casos. Com base nos indicadores do último ano, a estimativa da demanda por melfalano seria de 5.396 frascos do medicamento (visto que são utilizadas em média 4 unidades por paciente).

No último dia 17 de março, a empresa responsável pela distribuição do fármaco, a Aspen Pharma, informou em resposta às entidades que o processo de importação estava concluído, e seguia em análise, com “perspectiva de liberação para comercialização na primeira semana de abril, o que ainda não há sinais de que venha a se concretizar”.

Com base nesta expectativa, vimos por meio desta, solicitar publicamente às autoridades regulatórias a liberação imediata do melfalano para que os serviços de transplante de medula óssea possam ser reabastecidos.

Ressaltamos que esta não é a primeira vez que ocorre a falta deste fármaco, o que torna urgente encontrar soluções para que esta situação pare de se repetir, sob pena de colocar em risco a vida dos pacientes que dele necessitam.

São Paulo, 05 de abril de 2021.

Atenciosamente,

Dante Langhi, presidente da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (ABHH)

Angelo Maiolino, diretor do Comitê de Acesso a Medicamentos e de Mieloma Múltiplo da ABHH

Nelson Hamerschlak, presidente da Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea (SBTMO)

Fernando Barroso, diretor SBTMO e presidente eleito 2021-2024

Cláudio Galvão, presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica (SOBOPE)


Notícias Recentes

Notícias

Ricardo Pasquini recebe prêmio Mechtild Harf Science


admin, 23 de junho de 2022

Notícias

Já estão disponíveis on-demand as aulas do Encontro Regional SBTMO – Edição Minas Gerais


admin, 23 de junho de 2022

Internacional

Estudo brasileiro de Mieloma é Best Abstract no Tandem Meetings 2022


admin, 28 de abril de 2022

Internacional

Especial: GT GDS SBTMO no TANDEM Meetings 2022


admin, 28 de abril de 2022