Preço dos remédios para câncer sanguíneo é tema de artigo
07/07/2017

Tratar um paciente com doenças onco-hematológicas pode custar caro, seja no sistema de saúde pública ou privada. No artigo publicado pelo Correio Braziliense, no dia 29 de junho, Nelson Hamerschlak, professor livre docente pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, coordenador do Programa de Hematologia e Transplantes de Medula Óssea do Hospital Israelita Albert Einstein e membro da diretoria da SBTMO é fonte de entrevista e comenta sobre o preço dos remédios para pacientes com câncer sanguíneo e a qualidade dos produtos oferecidos na rede pública de saúde.

Confira o artigo completo: clique aqui