SBTMO parabeniza Ceará por primeiro TCTH alo do estado
13/02/2014

 O primeiro TCTH alogênico do Ceará foi realizado com sucesso no dia 11 de fevereiro. O procedimento ocorreu no Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC) em uma paciente de 29 anos com diagnóstico de leucemia aguda grave.

A realização do TCTH alogênico no estado foi autorizada pelo Ministério da Saúde em 2013. Com a realização deste tipo de transplante no Ceará, não haverá mais a necessidade de encaminhar pacientes para Atendimento Fora de Domicílio (TFD) em outros estados.

 

Segundo o hematologista, chefe da equipe de TMO e coordenador do Banco de Cordão Umbilical e Placentário do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), Fernando Barroso, este transplante é resultado de 14 anos de luta. Segundo ele, houve investimento do governo do Estado e do governo federal na evolução técnico-científica do Hemoce e a parceria com o HUWC foi fortalecida.


Em nome da SBTMO, a presidente da entidade, Lúcia Silla, parabeniza o Dr. Fernando Barroso, a Dra. Maria Helena Pitombeira e toda a equipe envolvida na realização do procedimento. “O primeiro TCTH alogênico em Fortaleza nos enche de expectativas e nos mostra que estamos caminhando para aumentar o número de leitos dedicados a este transplante efetivamente”, comemora.

 

Segundo ela, é necessário atender esta demanda que aumentou devido à rapidez para localizar doadores compatíveis e à ampliação das indicações de TCTH para indivíduos idosos.

 

Leia mais: 1º transplante de medula alogênico realizado com sucesso no Ceará