Hemo 2013 inicia atividades na capital do Brasil com participação de membros da SBTMO
07/11/2013

O Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (Hemo) volta a Brasília (DF) em 2013 pela terceira vez. Entre os dias 7 e 11 de novembro, aproximadamente 5 mil congressistas, entre hematologistas, hemoterapeutas e profissionais de áreas correlatas, se reunirão no Centro de Convenções Ulysses Guimarães para prestigiar a evolução científica da hematologia, hemoterapia, terapia celular e gênica no Brasil e no mundo.

Os aspectos diagnósticos e terapêuticos das doenças hematológicas benignas (como anemias e trombose) e das malignas (onco-hematológicas como linfomas, leucemias e mielomas), bem como os avanços no campo dos transplantes de medula óssea e da terapia celular, são alguns dos grandes temas que compõem a grade da programação científica.

Em 8 de novembro, a presidente da SBTMO, Lúcia Silla, será moderadora da mesa-redonda TMO, ao lado do hematologista, Vergílio Colturato. No mesmo dia, Lúcia conduzirá a conferência Onco-hematologia, junto com a hematologista, Conceição de Maria Lopes Ribeiro. Além disso, o 1º tesoureiro da SBTMO, Luiz Fernando Bouzas, discorrerá sobre A Importância da Acreditação em Terapia Celular, no Simpósio de Lançamento do Programa de Acreditação em Terapia Celular da AABB/ABHH.

O TMO também será abordado na esfera pediátrica pela onco-hematologista pediátrica e membro da SBTMO, Adriana Seber. Na mesa-redonda Questões Atuais no Manejo da LMC-PH+ em Pediatria, que será realizada no dia 9 de novembro, ela apresentará as Perspectivas em Relação ao TMO em LMC Pediátrica.

Além disso, o Hemo 2013 traz novidades, como o Simpósio Internacional da American Society of Gene and Cell Therapy (ASGT) e o ISBT Academy Day – Immunohematologia, que apresentará um programa de doadores raros. Clique aqui e confira a programação científica e os horários de cada atividade.