Artigos em inglês superam os publicados em português
31/10/2013

 Levantamento realizado pela SciELO Brasil – Scientific Electronic Library Online – reforçou que a publicação de artigos científicos brasileiros em inglês é uma tendência crescente. O número de trabalhos publicados em inglês nos periódicos integrantes da SciELO Brasil saltou de 38% em 2007 para 52% em 2012. Além disso, a pesquisa revelou o aumento da publicação de artigos bilíngues (português e inglês).


No editorial Challenges of Emergin Countries: Barriers to Get Published, publicado na edição número 2 do volume 34 da Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (RBHH), o editor Milton Ruiz comentou os desafios enfrentados por pesquisadores de países emergentes para publicar artigos em periódicos internacionais. Como o inglês é a língua proeminente nestas publicações, Ruiz já observava que um dos principais desafios é o domínio do idioma.
A fim de publicar seus trabalhos em periódicos internacionais, o editor da RBHH enfatizou que os autores deveriam estar atentos à qualidade da escrita em inglês, que geralmente é precária. Ainda de acordo com ele, a língua é franca e técnica, e exige que seja empregada com zelo, para garantir visibilidade e impacto internacional ao artigo científico. Confira aqui o editorial na íntegra.


Com informações da Agência Fapesp